Direitos Autorais

Todas as receitas e fotografias de todas e quaisquer criações incluídas neste blog/site estão sobre a proteção da LEI DO DIREITO AUTORAL Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Portanto, é proibida qualquer reprodução ou divulgação das mesmas com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação. Não copie! Entre em contato: autismoemfoco@gmail.com myfreecopyright.com registered & protected

Meu livro: Autismo Esperança Pela Nutrição

Meu livro: Autismo Esperança Pela Nutrição
Vendas: autismoemfoco@gmail.com

ONDE TEM CASEÍNA

A caseína é uma proteína encontrada em todos os produtos que contenham LEITE ANIMAL e seus derivados. Entretanto, ela pode ser encontrada em alimentos que não sejam do grupo de laticínios, como enlatados, embutidos e fármacos.
Para isso devemos estar atentos a palavras como caseinato de ...

É mais difícil de detectá-la nos produtos industrializados do que o glúten, pois diferente da lei existente para a exibição obrigatória do aviso no rótulo de: contém glúten, nós não temos este mecanismo de aviso para derivados do leite, por isso devemos ler cuidadosamente os rótulos.
Certa vez estava em um mercado procurando algum embutido que não tivesse glutamato monossódico na sua composição, fiquei surpresa em encontrar derivados de leite no salame!

Procure por qualquer descrição que tenha: leite, lácteo, proteína do leite, soro do leite.
Produtos sem lactose ainda continuam tendo a caseína, pois só foi retirado destes produtos o açúcar do leite, a proteína continua lá, portanto, produtos apenas sem lactose não podem ser consumidos nesta dieta!


Todos os leites de origem animal, como por exemplo, leite de vaca, de cabra e de búfala e todos os seus derivados contém caseína. Nenhum produto de leite animal, mesmo sem lactose, não deve ser consumido.



Produtos laticínios em geral: leite, queijo, iogurte, coalhada, sorvete, creme de leite, creme azedo, manteiga, leite fermentado (yakult, chamito).


Leite e componentes lácteos: Leites em pó, iogurte de leite em pó, proteína láctea, sólidos lácteos, pastas sólidas de leite, leite acidificado, leite condensado, leite cultivado, leite seco, leite evaporado, leite de cabra, leite maltado, lactose de queijo lácteo, creme chantily, gordura do leite, qualquer coisa feita com leite light ou magro.


Manteiga: Todas as manteigas e margarinas (leia o rótulo nas embalagens).


Queijos: Todos os tipos de queijos (sólidos e cremosos), alimentos com queijo, sabor de queijo, queijo de cabra, queijo de búfala, queijo cottage, queijo cremoso (requeijão).



Caseína e caseinatos (encontrados na maioria dos substitutos de queijos, por exemplo, queijo de soja, queijo de arroz; também encontrado em algumas marcas de atum, sardinha e salmão enlatados): caseinato de amônia, caseinato de cálcio, caseinato de magnésio, caseinato de potássio, caseinato de sódio.



Cremes: Creme de leite batido para chantilly, creme de leite integral e light, creme com sabor de côco (pode contém substâncias que dão sabor contendo proteína láctea), substituto do creme para café, creme de leite de lata, creme não lácteo (verifique o rótulo), iogurte cremoso, imitação de creme sólido.

Soro do leite: soro do leite acidificado, soro curado, soro sem lactose, soro desmineralizado, soro hidrolizado, soro em pó, soro fresco, soro concentrado, pó de soro, proteína de soro, caseinato de sódio de soro, sólidos de soro.



Related Posts with Thumbnails