Direitos Autorais

Todas as receitas e fotografias de todas e quaisquer criações incluídas neste blog/site estão sobre a proteção da LEI DO DIREITO AUTORAL Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Portanto, é proibida qualquer reprodução ou divulgação das mesmas com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação. Não copie! Entre em contato: autismoemfoco@gmail.com myfreecopyright.com registered & protected

Meu livro: Autismo Esperança Pela Nutrição

Meu livro: Autismo Esperança Pela Nutrição
Vendas: autismoemfoco@gmail.com

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Manteiga de Amêndoas Caseira!



No sábado passado, no programa Estrelas, Angélica entrevistou o piloto Tony Kanaan. Ele mostrou seu apartamento em Miami e fez um Shake super nutritivo compatível com a dieta sem glúten e sem leite.
Neste Shake, ele adicionou manteiga de amêndoas.
Seria um hábito muito saudável de alimentação se a indústria não tivesse enchido esta maravilha de gordura hidrogenada e aditivos. Por este motivo, é ótimo produzirmos a nossa própria manteiga, ainda mais sendo uma receita tão fácil!
Nos Estados Unidos as "nut butters" são muito consumidas e bastante comuns em qualquer loja ou mercado. É um alimento tão comum que um dos maiores alérgenos alimentares naquele país é o amendoim, justamente devido ao grande consumo da manteiga de amendoim.
Eu vou disponibilizar a receita do Shake porteico do Tony Kanaan mais a frente, mas para isso é necessário ensinar primeiro a manteiga de amêndoas, pois não a achamos nos mercados brasileiros.

Aqui no Brasil, apesar de termos uma abundância de matéria-prima: castanhas, amêndoas, amendoins, sementes de girassol... não temos este hábito alimentar que pode ser bem saudável, especialmente para as pessoas que possuem restrição alimentar.
Para toda a família, é uma excelente forma de consumir alimentos mais nutritivos e saudáveis.
Esta manteiga, tanto faz se utilizar amêndoas, castanhas ou o que for, pode ser usada para passar no pão e nos biscoitos, para adicionar nos shakes, para incrementar pratos salgados dando aquele toque gourmet especial.

Aqui estou ensinando a manteiga de amêndoas, mas o procedimento para produzir manteiga de castanhas, de amendoim, de semente de girassol, de pistache, nozes... é sempre o mesmo, variando o gosto e os nutrientes ingeridos em cada manteiga.

Todas são excelentes fontes de cálcio e magnésio e em ácidos graxos essenciais, promovendo uma série de benefícios ao organismo controle do colesterol e triglicérides e ação antioxidante.

NOZES: ótima fonte de energia; potássio; proteína vegetal e a mais rica em vitamina E, que tem ação antioxidante, além de proteger contra doenças do coração. Também é rica em ácido elágico, que pode inibir o crescimento de células cancerígenas e em vitaminas do complexo B.

AMÊNDOA: fonte de proteína, fibras, ferro, vitamina E e potássio.

AVELÃ: rica em potássio, proteína, vitamina E, fibras, cobre  a maior fonte de cálcio de todas.

CASTANHA DE CAJU: possui proteínas, é rica em aminoácidos essenciais, zinco, ferro, ácido pantotêico, vitaminas B1 e B2. Para fazer o leite, é necessário que seja a castanha crua (que na verdade foi cozida para ser retirada da casca, mas não foi torrada) e sem sal.

CASTANHA-DO-PARÁ: É a mais calórica de todas, mas fornece selênio, mineral antioxidante que atua no equilíbrio da tireóide e do magnésio. Contém ômega 3, gordura que previne doenças do coração.

SEMENTE DE GIRASSOL: Rica em proteínas, fibras, zinco, folato, vitamina E e magnésio. Excelente para substituir o amendoim para os que tem alergia. A semente de girassol torrada tem um gosto muito similar ao amendoim.

O importante em qualquer receita que você faça, é deixar as castanhas de molho para neutralizar os anti nutrientes que inibem as atividades de enzimas.



Receita:

1º Coloque 1 xícara de amêndoas de molho por 12 horas. Jogue a água do molho fora, enxugue as amêndoas e leve-as ao forno médio por 10 minutos para secar. Não é necessário mais tempo que isso e muito menos retirar a pele das amêndoas. Deixe-as esfriar.

2º Coloque as amêndoas no processador e com calma e tempo, processe aos poucos, raspando sempre as laterais com uma colher. Aos poucos as amêndoas vão desprendendo seu óleo natural e formando uma pasta.

3º Para tornar esta pasta ou manteiga mais fluída, adicione uma colher das de sopa de óleo de cada vez, até atingir a consistência desejada. Eu utilizo o óleo de sementes de uva, vendido em garrafas de 1 litro nas redes Pão de Açúcar e Extra. Este óleo é de uso culinário.

 O óleo de sementes de uva é rico em proantocianidinas, potentes antioxidantes, em ácidos graxos e vitamina E, aumentando ainda mais as qualidades desta manteiga.

4º Você pode adicionar uma pitada de sal ou néctar de agave ou glicose de mandioca da Yoki se quiser uma receita doce.

Delicie-se!
Related Posts with Thumbnails